Convênio Câmara e Interlegis reduzirá gastos com site do Legislativo Municipal

0
70
O presidente da Câmara, Antonio Emílio, e o diretor-geral do Legislativo, Roan Roger,

O convênio entre a Câmara Municipal de Nova Venécia e o Instituto Legislativo Brasileiro do Senado Federal (Interlegis) foi confirmado pelo presidente da Câmara veneciana, Antonio Emílio (PPS). O anúncio foi feito na manhã desta quarta-feira, 18.

Por meio da parceria, será possível aperfeiçoar ainda mais as informações do Portal da Transparência e do site da Câmara Municipal.  Os serviços serão oferecidos de forma gratuita pelo Interlegis. Após a assinatura do convênio, a previsão é que as mudanças no sistema de informática da Câmara ocorram em até 60 dias.

Com o convênio, a hospedagem do site da Câmara atualmente com o domínio “.gov” (cmnv.es.gov.br) migrará para o domínio “.leg” (cmnv.es.leg.br). Outras cidades capixabas já utilizam o domínio “.leg” através da parceria com a Interlegis, como Vila Velha, Linhares e Baixo Guandu.

O uso de tecnologia de ponta irá proporcionar a modernização do sistema de protocolo, e o projeto “Câmara sem Papel”, dará continuidade à utilização mínima de papel na rotina de trabalho do Legislativo veneciano. Dentro da parceria também está incluída a criação de um aplicativo para que o cidadão possa acompanhar a um toque do celular, processos legislativos, pautas, atas das sessões, entre outros assuntos relevantes.

Para o presidente do Legislativo veneciano, o fato de os produtos serem gratuitos e com tecnologia moderna, irá poupar a Câmara de gastar cerca de R$ 5 mil reais por mês: “Com o convênio, daremos andamento ao nosso trabalho pautado sempre na modernidade, eficiência e transparência das ações da Câmara Municipal de Nova Venécia”, afirma Antonio Emílio.

Parceria – A proposta de parceria entre o Interlegis e Câmara de Nova Venécia aconteceu em março, em Brasília, durante reunião com o diretor da Interlegis, Janary  Nunes, o presidente da Câmara de Nova Venécia, Antonio Emílio, os vereadores Mir de Guararema (PDT) e Cimar do Altoé (PHS),  o assessor Pedro Magalhães, representando o deputado federal, Jorge Silva (PHS), e o diretor da Câmara veneciana, Roan Roger.

Durante a reunião, Janary Nunes destacou a importância da integração do Senado com os municípios brasileiros ao levar informação, tecnologia e capacitação.

A parceria com a Interlegis teve atuação forte do diretor-geral da Câmara veneciana, Roan Roger, que se empenhou em buscar as informações sobre as vantagens do convênio para o Legislativo Municipal.

O que muda:

– O domínio do site da Câmara passa a ser cmnv.es.leg.br;

– Criação de aplicativo para celular;

– Redução nos gastos com papéis na rotina de trabalho;

– Modernização do protocolo.

Economia:

– Serviços serão totalmente gratuitos. A Câmara economizará cerca de R$ 5 mil por mês.

Quando passa a valer:

– Após a assinatura do convênio, a previsão é que as mudanças ocorram em até 60 dias.

Compartilhar

Deixe uma resposta

*