Evento promove Educação Ambiental e premia projetos ecológicos

0
14
Foto: Leonardo Duarte

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Seama) – junto com o Instituto Estadual de Meio Ambiente (Iema) – realizou, na manhã desta quinta-feira (7), a 17ª edição do Prêmio Ecologia e o lançamento do Plano Estadual de Educação Ambiental.

O evento, realizado no Palácio Anchieta, foi prestigiado pelo governador Paulo Hartung, que no início da cerimônia, assinou o decreto que cria o Programa Estadual de Educação Ambiental.

Para a diretora-presidente do Instituto Estadual de Meio Ambiente (Iema), Andreia Carvalho, a educação ambiental possui um papel transformador na sociedade e colabora com a adoção de posturas coletivas e cidadãs.

“O Programa Estadual de Educação Ambiental é muito importante para o desenvolvimento de boas práticas educativas e para o incentivo de soluções inovadoras. A Educação Ambiental deve ser reconhecida como instrumento notório para compreensão da gestão ambiental no convívio harmonioso com a natureza”, afirmou.

Segundo o Secretário de Estado de Meio Ambiente, Aladim Cerqueira, o destaque na elaboração do Plano Estadual de Meio Ambiente foi a sua construção coletiva.

“Para chegar ao produto que entregamos aos capixabas, foram realizadas aproximadamente 100 reuniões, com a participação de mais de 2 mil pessoas. Gostaria de destacar a parceria de todos os municípios, dos diversos órgãos e autarquias do Governo, em especial a Secretaria de Estado da Educação, que é nossa parceira no programa”, disse Cerqueira.

Prêmio Ecologia

Outro destaque da solenidade, foi a premiação da 17ª edição do Prêmio Ecologia, que é realizado em parceria com a Rede Vitória. O tema deste ano, Soluções e Inovações Ambientais, propiciou uma reformulação na concepção do prêmio que passou a ter um caráter mais técnico e voltado a projetos e pesquisas.

Sobre o Prêmio Ecologia, o Secretário de Estado de Meio Ambiente, Aladim Cerqueira, destacou que 11 edições do programa foram vivenciadas em gestões do Governador Paulo Hartung, que resgatou o prêmio no seu primeiro ano de mandato.

“O Prêmio Ecologia acompanhou as mudanças mais estruturantes da política ambiental do nosso Estado. Tivemos muitos avanços na área ambiental, que foram alcançados pelo zelo desta Administração, que está sempre em sintonia com a sociedade. O que vivemos aqui é o resultado de uma gestão responsável que administra bem as suas contas para cuidar das pessoas, e do meio ambiente também”, concluiu.

Quatorze projetos foram premiados e distribuídos em sete categorias: pesquisa (pós-graduação e graduação); educacional (ensino fundamental e ensino médio); experiência de sucesso (rural e urbano) e municípios sustentáveis.

Para encerrar a cerimônia, o vice-governador César Colnago parabenizou a todos que participaram do Prêmio Ecologia.

“Este é um prêmio que coloca luz em uma das três pautas essenciais nos dias de hoje: sustentabilidade, social e desenvolvimento. Precisamos pensar todos esses três pilares, juntos, para que tenhamos um desenvolvimento sustentável, proporcionando um futuro com qualidade para as gerações que estão por vir”, afirmou Colnago.

Também prestigiaram o evento o secretário de Estado da Educação, Haroldo Corrêa Rocha; o secretário de Estado de Saneamento, Habitação e Desenvolvimento Urbano, Rodney Miranda; o secretário de Estado dos Transportes e Obras Pública, Paulo Ruy Carnelli; o  Promotor de Justiça, Marcelo Lemos, o diretor geral da Rede Vitória, Fernando Machado; os deputados estaduais Rodrigo Coelho e José Carlos Nunes.

Compartilhar

Deixe uma resposta

*