Passageiros reclamam de cortes de horários de ônibus

0
2147

Usuários relatam que Águia Branca eliminou o tráfego de veículos no horário de pico, e que condução que restou não há vagas para quem trabalha em Nova Venécia e mora no interior, próximo ao 41

Passageiros que utilizam a linha Nova Venécia a São Mateus reclamam que após o corte de horários de ônibus feitos pela empresa Águia Branca, a situação tem se tornado um transtorno para eles, que moram no interior, e trabalham em Nova Venécia. A queixa é de cortes em horários de pico, justamente nos momentos de partida ou chegada ao município, o que de acordo com eles, aconteceu no início deste mês.

Moradora da Escadinha, a faxineira Elzenir Atanásio da Silva, 53 anos, é uma das passageiras que vem enfrentando dificuldades para chegar no horário certo ao trabalho. De acordo com ela, o ônibus utilizado para chegar ao trabalho de manhã, era o que saia de São Mateus às 5h30. “Ele passava na Escadinha por volta das 6h20, já não temos mais esse carro. A opção que deixaram, é o ônibus que faz a linha São Mateus a Colatina, que sai 6h, mas nunca tem vaga, ficamos a maioria no ponto, sem poder entrar na condução”, diz.

De acordo a faxineira, que sai às 16h do tralho, como não há vaga, o filho já precisou levar a mãe até o trabalho. “Ou é isso, ou ficava sem ir ao serviço. Quando retorno, a dificuldade é a mesma, cortaram o ônibus das 16h20 e 17h30. Sobrou um carro que sai de Colatina e passa em Nova Venécia às 16h45, mas nunca tem vaga. Tenho que pegar o transporte de 18h30, descer no ponto de ônibus e andar mais dois quilômetros de estrada de chão, no escuro e no meio do nada, até chegar em casa”, fala.

A mesma experiência vem passando a cuidadora, Maria da Penha Pereira da Silva, 40, que também mora na Escadinha, e alega a superlotação no ônibus. “Quando consigo entrar no ônibus, tem umas 30 pessoas em pé, e ainda fica o restante no ponto, não cabe, mais de 10 pessoas ficam para trás. Quando chego em meu destino de volta, ao descer do ônibus, ando mais 5 km a pé, e na escuridão. O ônibus que deixaram, que sai de Colatina, não tem vaga, somente às 18h30 embarco, a gente sai do trabalho todas por volta das 16 horas”, conta.

A queixa também é da faxineira, que mora próximo a Fazenda Concórdia, Vera Lúcia Avelina Santana, 61, que argumenta que depois do corte, ficou para trás várias vezes, sem pegar a condução. “Já cheguei às 10h no trabalho, um atraso enorme. A gente fica lá, no meio da estrada esperando que alguém dê carona, está difícil, estamos insatisfeitos, pois precisamos cumprir nosso horário no serviço. A empresa é a única que opera na área e ainda não atende os passageiros”, explica.

“Já cheguei às 10h no trabalho, um atraso enorme. A gente fica lá, no meio da estrada esperando que alguém dê carona, está difícil, estamos insatisfeitos, pois precisamos cumprir nosso horário no serviço. A empresa é a única que opera na área e ainda não atende os passageiros”
Vera Lúcia Avelina Santana, 61 anos – faxineira
“Os horários de ida e volta que sobraram não comportam o número de passageiros, a gente fica para trás, ninguém quer saber de quem precisa trabalhar para levar o sustento para casa”
Elzenir Atanásio da Silva, 53 anos – faxineira
“Quando chego em meu destino de volta, ao descer do ônibus, ando mais 5 km a pé, e na escuridão, não dá para entrar no ônibus que sai mais cedo, pois vem de Colatina, já lotado, cortaram as linhas”
Maria da Penha Pereira da Silva,
40 anos – cuidadora

O OUTRO LADO

A Viação Águia Branca S/A informa que, em decorrência da análise de sua operação ao longo de 2019, teve que promover ajustes em sua grade de horários em alguns trechos. Cabe destacar e ressaltar que a empresa continua atendendo todas as localidades de sua área de atuação, com o mesmo padrão de segurança em suas viagens. A comunidade do KM41 é atendida todos os dias da semana com 104 horários fixos semanais no eixo que liga São Mateus a Nova Venécia.

Todas as informações de itinerários, horários, tipos de serviço e valores podem ser encontradas no site www.aguiabranca.com.br (também disponível na versão de aplicativo para celulares) e em sua rede de 350 agências.

Para garantir a passagem, os clientes podem antecipar a compra com 10% de desconto, além disso, a compra também pode ser feita online e o embarque realizado com a passagem na tela do celular, não precisando ir à rodoviária ou agência.

Caso os clientes continuem com alguma dúvida, o SAC da empresa está à disposição para auxiliá-los 24hs, todos os dias, no número 0800 725 1211.

Compartilhar

Deixe uma resposta

*