Vândalos queimam carteiras de escola em Pinheiros e causam prejuízo de R$ 20 mil

0
216

Pouco mais de um ano depois de ser revitalizada e entregue ao povo, a Escola Governador Carlos Lindenberg, localizada no bairro Santo Antônio, foi alvo de violentos ataques de vândalos. Os criminosos chegaram a atear fogo em dezenas de carteiras, que estavam na quadra poliesportiva da unidade escolar.

Os atos contra o imóvel público, que foi reformado recentemente, ocorreram no início da noite desta quarta-feira (17). Quarenta e três jogos de mesas e cadeiras foram incendiados. As labaredas danificaram, também, a instalação elétrica interna, piso, paredes e teto do palco da quadra.

De acordo com informações de testemunhas, além do prejuízo, estimado em R$ 20 mil, o vandalismo causou medo nos moradores vizinhos, que temiam a propagação das chamas e o risco de atingir imóveis próximos.

Um Boletim de Ocorrência foi registrado e o caso está sendo investigado pela Polícia Civil. Denúncias para ajudar a elucidar a autoria do crime podem ser encaminhadas para o telefone 181 ou por meio do site https://disquedenuncia181.es.gov.br/. A denúncia pode ser anônima.

Os infratores podem ser enquadrados em crime de dano ao patrimônio público (artigo 163 Código Penal), com pena prevista de até três anos de prisão. A quadra já havia sido pichada e tem os portões quebrados semanalmente. Já há inquérito policial instaurado para investigar esses delitos.

“A escola é um patrimônio de todos nós. E quem queimou não parou para pensar que aquela mesa e cadeira poderá vir a fazer falta até mesmo para um familiar do vândalo. Nós temos que preservar, e não destruir o bem público”, disse, indignado, o secretário municipal de Educação, Aílton Balbino.

Compartilhar

Deixe uma resposta

*